Câmara de Aparecida de GoiâniaPolítica

Profissionais da saúde buscam apoio do Legislativo para garantir o cumprimento do pagamento do piso salarial da enfermagem

Comitiva de servidores foi recebida pelo presidente André Fortaleza e pelos vereadores Willian Panda e Gleison Flávio

Na manhã desta segunda-feira, 05, a Câmara de Aparecida de Goiânia, representada por seu Presidente André Fortaleza e pelos vereadores Willian Panda e Gleison Flávio, recebeu a visita de uma comitiva de profissionais da rede pública municipal de saúde, em especial enfermeiros, técnicos e auxiliares, que estão realizando uma paralisação de 24 horas na cidade.

A visita ao Legislativo teve como objetivo chamar a atenção para suas reivindicações relacionadas à atualização do Piso de Enfermagem e ao cumprimento da Lei 14.434/2022, que instituiu o piso salarial nacional do Enfermeiro, do Técnico de Enfermagem e do Auxiliar de Enfermagem. Eles pleiteiam que os valores sejam pagos aos servidores credenciados da Prefeitura, que não tem recebido o complemento do piso salarial.

Em resumo, eles estão buscando, aos credenciados, a revisão dos salários conforme os seguintes valores propostos: enfermeiro: R$ 4.750; técnicos: R$ 3.325 e auxiliares: R$ 2.375.

Diante do não recebimento de seus pagamentos, os profissionais da saúde credenciados decidiram iniciar uma manifestação pública com o objetivo de conscientizar a população sobre a precariedade de sua situação. Eles destacaram que, apesar de enfrentarem ameaças de “advertência” e “demissão”, seguem firmes em sua ação. Enfatizam, ainda, a importância do serviço público de qualidade que prestam, reivindicando, portanto, o reconhecimento e tratamento digno que merecem.

Ao compreender a situação dos servidores, o Presidente André Fortaleza propôs uma revisão do contrato de credenciamento, incluindo cláusulas que protejam e garantam o direito da categoria.  

Fonte: Departamento de Comunicação da Câmara

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo